Desenvolver medicamentos para serem administrados pelas vias oftálmica, auricular e nasal requer foco em fatores essenciais, como a estabilização do medicamento e níveis de endotoxinas, que podem impactar no sucesso da formulação final. Os excipientes de alta pureza podem maximizar o índice de sucesso do desenvolvimento do medicamento por oferecer estabilidade melhorada do IFA, irritação celular reduzida e contribuição minimizada de endotoxinas na formulação final. Eles também acrescentam benefícios ao processo de desenvolvimento do medicamento e agregam valor aos produtos finais, incluindo: performance otimizada, maior adesão do paciente, menos tempo de desenvolvimento da formulação e rapidez para comercialização.